Páginas

domingo, 1 de abril de 2012

Dicas para comer chocolate sem engordar


Para quem é fã de chocolate mas costuma lutar contra a balança, a Páscoa é quase uma tortura. A guloseima toma conta dos comerciais de TV e das lojas de doces. O jeito é comer, fazer o quê? Mas existem maneiras de saborear chocolates menos calóricos e compensar os excessos cometidos na Páscoa.

Segundo a nutricionista Regina Sarmento, que cuida da saúde de famosas como Camila Pitanga, o chocolate que engorda menos é o amargo. “Ele tem pelo menos 70% de cacau porque tem menor quantidade de açúcar”, explica Regina.
                         
            


Valor nutritivo

Se consumido em excesso, é lógico que o chocolate vai fazer mal. Mas ele está longe de ser um vilão para a saúde. Rico em nutrientes, ele tem em sua composição magnésio, cálcio, fósforo, ferro, potássio, sódio, vitamina A, entre outros elementos.

“Contém ainda catequinas e epicatequinas, que são antioxidantes e protetores do sistema cardiovascular. É também um alimento estimulante por conter teobromina, substância semelhante à cafeína”, revela Regina Sarmento.

Melhor na sobremesa

Mas, se for consumido em muita quantidade, o jeito é correr atrás do prejuízo, como se diz no futebol. “Depois do estrago feito, o melhor é manter o ritmo de atividade física, beber bastante água e evitar alimentos como açúcar, farinhas, batatas, pães, arroz e também evitar as gorduras. Não precisa mais que três dias de cuidados pra compensar possíveis exageros”, aconselha Regina.

A nutricionista também dá uma dica para que o chocolate seja absorvido de forma mais lenta pelo corpo: “É melhor consumir esta delícia depois de uma refeição leve, com salada e carne magra, e nunca em jejum”.